terça-feira, 1 de março de 2011

BTG terá R$ 2,5 bi em crédito fiscal do PanAmericano

Ao ler esta manchete exclamei: "Que falta de caráter dessas pessoas!"

Imediatamente ouvi uma voz dizendo: "Só haveria falta se algum dia tivessem tido."

Realmente! Caráter a gente tem; ou, então, nem sabe o que é isso!

Vivemos um momento da história no qual a característica comum na maioria das pessoas que estão no poder é a falta de caráter.

Estamos - todos - anestesiados; e achando que falta de caráter é a condição indispensável para escolhermos e elegermos nossos candidatos a governantes.

Nesse caso do PanAmericano, não bastasse o uso abusivo do dinheiro público (nosso dinheiro) para fazer o empréstimo e capital, numa aquisição que passa a cheirar mal depois de sabermos de toda essa palhaçada, os 'compradores' passam a ter um novo direito. Direito a um crédito tributário, que também é dinheiro público (nosso dinheiro).

O que espanta a falta de ação da sociedade e dos poderes existentes na outrora chamada de "sociedade civil organizada".

Acho que essa tal "Sociedade Civil Organizada" não está agindo por ser mantida sedada na UTI da Falta de Vergonha Nacional.